Boa madrugada - Itabira, sábado, 26 de setembro de 2020


Prefeitura de Itabira
Acita WIN

Taxa de ocupação em Itabira: 24% da UTI, e 5% dos leitos de enfermaria

Combate à covid-19 na cidade - Publicado: 15/09/2020 às 07:14:54

Desde que o primeiro caso de infecção da covid-19, a Prefeitura de Itabira se preparou para conter a velocidade do contágio. Ações imediatas foram tomadas para evitar aglomerações e a propagação do vírus, abrindo caminho para que a cidade evitasse um colapso no sistema de saúde, que também recebe pacientes de 13 municípios da região. No início do mês de março, profissionais da saúde receberam treinamento e a rede foi reorganizada para atender às síndromes gripais. As unidades adotaram um método de triagem mais rápido, no qual o paciente com sintomas é levado para um local específico, mantendo distanciamento. Os postos tiveram suspensas as consultas eletivas, reuniões e encontros em grupo.

Em 16 de março, o prefeito Ronaldo Magalhães decretou situação de emergência em saúde pública, criando o Centro de Operações de Emergência em Saúde (Coes), incluindo a Comissão Municipal de Enfrentamento ao Coronavírus, suspendeu eventos e flexibilizou a atividade laboral dos servidores que fazem parte dos grupos de risco. Também em consonância com o Decreto Municipal, as aulas nas escolas, creches, cursos e universidades foram interrompidas a partir de 18 de março. Três dias depois, o Governo Municipal suspendeu os alvarás de bares, casas de shows, feiras, exposições, comércio não essencial e outros estabelecimentos com potencial de aglomeração de pessoas.

Hospitais

A Prefeitura ampliou a assistência hospitalar no enfrentamento ao coronavírus com a instalação de novos leitos nos hospitais Carlos Chagas (HMCC) e Nossa Senhora das Dores (HNSD). Alcançando a meta planejada pelo Estado à Secretaria Municipal de Saúde (SMS): 88 leitos de enfermaria e 29 unidades de tratamento intensivo (UTI), no total de 117 leitos exclusivos para pacientes da covid-19. No pico da transmissão da doença, para atendimento da população que faz parte da microrregião de saúde.

Antes da pandemia, e dos investimentos do Governo Municipal, a cidade tinha 253 leitos: 78 no HMCC (SUS) e 175 no HNSD (106 do SUS, e 69 de convênios). Ou seja, houve uma ampliação de 99 leitos, o que significa um percentual de 39,13% de aumento. Todos os leitos estão preparados e equipados, no entanto, o município assertivamente tem autorizado a contratação de profissionais e operacionalização dos novos leitos conforme a demanda vai aumentando. Isto gera a utilização correta dos recursos públicos, não motivando gastos em tempo inadequado ou em estruturas ociosas.

Para reforçar o atendimento, a Secretaria Municipal de Saúde (SMS) provisionou uma nova ambulância para atender possíveis casos da doença no Pronto-Socorro Municipal de Itabira (PSMI). Inclusive, a área externa da unidade recebeu um contêiner para triagem de pacientes com sintomas gripais, antes que sigam para as dependências do PSMI. A estrutura será utilizada caso haja aumento da demanda de pacientes com suspeita da covid-19.

Contato

Para informações, dúvidas e outros

Contatos

contato@euclideseder.com.br
Twitter: @euclideseder